Sobre acessibilidade

Serviços

Início >> Artigos
18/11/2021 - 09:15

 

Texto: Rose Barbosa / Ascom Sedap

Fotos: Mateus Costa / Ascom Sedap

 

Em atendimento aos 13 polos agrícolas do município de Marituba, a Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), através da Diretoria de Agricultura Familiar (Dafa), repassou na manhã desta quarta-feira (17), para a secretaria local de agricultura, sementes de hortaliças variadas que serão distribuídas para uma média de 40 agricultores familiares que trabalham com a olericultura (produção de hortaliças) local.

 

 

 O repasse de 18 pacotes de 250 gramas contendo as sementes ocorreu na sede da Sedap e contou com a presença da diretora de agricultura familiar, Antônia Aleixo e do diretor da Secretaria de Desenvolvimento da Agricultura, Aquicultura, Abastecimento e Pesca do município, Moore da Silva.

 

  Como o ciclo da olericultura é curto (entre 3 a 6 meses), o estimado, segundo informou o diretor da secretaria de Marituba, é que as hortaliças sejam utilizadas na merenda escolar do próximo ano.  “Os nossos agrônomos estão nesse planejamento, nós vamos tomar outra vertente para 2022, que é a de aumentar esse quantitativo para a merenda escolar e essas sementes irão fortalecer esse ciclo produtivo”, explicou Silva. Segundo ele, pelo menos 60 agricultores já estão cadastrados com a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), que possibilita ao agricultor entre outros benefícios, a emissão de nota fiscal de seus produtos.  Os agricultores são beneficiados com o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa Nacional da Alimentação Escolar (PNAE).

 

Parceria- Antônia Aleixo destacou que Marituba, a exemplo de outros municípios, tem recebido uma atenção especial do Governo do Estado, através da Sedap. Ano passado, por exemplo, recebeu barracas cobertas que estão sendo utilizadas nas feiras de vendas indiretas além do fomento na piscicultura.  “Nós prestamos apoio, também, na realização das primeiras feiras deste ano e conforme estão chegando os insumos na secretaria, estamos atendendo as demandas. Hoje, uma das cadeias produtivas que está chegando material é a de hortaliças; nós sabemos que o estado tem 144 municípios e a gente está atendendo a demanda dentro do possível”, garantiu Aleixo.

 

Vocação- Marituba é um município com vocação agrícola que se destaca, sobretudo, na produção de olericultura oriunda da agricultura familiar. Entre os polos que se destacam nesse segmento estão o Uriboca, Campina Verde, Almir Gabriel, União, Riacho Doce, Agrovila São Pedro, totalizando 140 famílias.

 

O Governo do Estado, através dos Territórios pela Paz (TerPaz), desenvolve ainda em Marituba,  a ação denominada de  Quintais Amazônicos, que orienta o agricultor familiar sobre preservação do meio ambiente e geração de renda com a produção feita de maneira segura. Além da Sedap, o programa tem apoio da secretaria municipal de agricultura, da Emater, do Sistema Nacional de Aprendizagem Rural (Senar),do  Ideflor Bio, além de instituições da iniciativa privada.