Sobre acessibilidade

Serviços

Início >> Artigos
28/12/2021 - 11:00

 

 

 

Texto: Leonardo Nunes/Secom

Fotos: Rodrigo Pinheiro

 

O governador Helder Barbalho entregou, na manhã desta segunda-feira (27), 649 equipamentos aos trabalhadores que atuam na Feira da Pedreira, em Belém. Na oportunidade, Helder Barbalho também anunciou parceria com a Prefeitura Municipal de Belém para reformar e modernizar as 17 maiores feiras da cidade. 

 

“Temos um compromisso com as associações de feiras e mercados do nosso Estado de poder viabilizar a reestruturação dos prédios e das estruturas físicas das feiras e mercados do Pará. Particularmente, estamos iniciando essa ação através das principais feiras da capital”, anunciou o governador. 

 

“Autorizamos a Prefeitura de Belém preparar o orçamento e projetos para as 17 principais feiras da cidade. No aniversário de Belém, estaremos assinando os primeiros seis convênios que são das feiras que já estão com os orçamentos e projetos prontos para realizarmos a contratação e início das obras”, detalhou. 

 

De acordo com informações do chefe do Poder Executivo estadual, neste primeiro momento, serão iniciadas as obras de modernização das Feiras da Pedreira, do Guamá, de Icoraci, de Terra Firme e das duas casas de bife localizadas em no Guamá e Pedreira.

 

“Além das iniciativas que já acontecem com as entregas de equipamentos para melhor acondicionar e vender os produtos, agora estaremos reestruturando para que o ambiente físico possa ser adequado com acessibilidade e condições melhores para quem trabalha e para comunidade que compra e coloca os produtos em sua mesa”, detalhou. 

 

O prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues, ressaltou que o município e o Estado irão avançar juntos na modernização das feiras da cidade. “Lugares abandonados que precisam passar por reformas”, afirmou. 

 

A entrega dos equipamentos aos feirantes do bairro da Pedreira tem como objetivo padronizar as feiras de Belém. Os itens do Kit Feira oferecidos pelo Estado variam conforme a atividade do feirante. Dentre os equipamentos estão 35 freezers; 25 fogões 4 bocas; cinco fogões 2 bocas; seis estufas; seis refresqueiras; 32 facas; 32 chaira; 18 conchas; 240 basquetas; 10 expositores; 30 panelas grandes; 30 panelas médias; 30 escorredores; 30 panelas de pressão e 120 balanças.

 

O secretário adjunto da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), Lucas Vieira, ponderou que a medida fortalece os feirantes e produtores. O secretário adjunto afirmou ainda que a intenção é ampliar o projeto para todas as regiões do Estado. 

 

“Mais um dia feliz. Estamos dando continuidade no projeto Governo Presente Feira Decente. Só aqui na Pedreira foram mais de 600 equipamentos entregues e 130 feirantes contemplados. Mais um passo importante para que os feirantes possam cada vez mais comercializar seus produtos de forma higiênica e melhor”, ponderou.

 

As feirantes beneficiadas, Bruna Lobato e Márcia Costa Pinto, são unânimes ao afirmar que os equipamentos chegam para fortalecer o setor que foi bastante fragilizado pelos impactos socioeconômicos causados pela covid-19.

 

“Estamos vindo de dois anos de pandemia. Muita gente sem trabalhar e receber. A entrega destes materiais vai ajudar muito quem quer trabalhar", disse Bruna Lobato.“Esse projeto nos abençoou e estamos gratos. Creio que 2022 será bom para todos. Estamos trabalhando para servir a população e, com os equipamentos novos, teremos uma feira mais agradável e limpa”, completou Márcia. 

 

O coordenador geral do Instituto Ver-o-Peso, Manoel da Silva, o Didi do Ver-o-Peso, reforçou que o auxílio do Poder Executivo Estadual foi uma medida humanitária que vai refletir na melhoria da qualidade dos produtos ofertados na feira, além de gerar renda aos trabalhadores.

 

“Esse momento é de gratidão. Passamos por muita dificuldade na pandemia e o Governo do Estado abraçou o setor. Só temos que agradecer. O próximo ano será de retribuir com muito trabalho todo esse apoio que estamos recebendo”, disse Didi, do Ver-o-Peso.